Arquivos mensais: agosto 2017

Cerveja Sahara Sunset Lager

Olá galera cervejeira, tudo bem com vocês?? 

Hoje é dia de falar de uma cervejaria que não tem nem um ano de vida, mas nesse pouco tempo já caiu bem no gosto do público que procura cervejas saborosas. Estamos falando da Sahara Craft Beer daqui de São Paulo que traz ao público cervejeiro a sua Sahara Craft Lager, uma bela Vienna Lager, cerveja essa que tivemos a felicidade de beber no Beer Home Bar, novo empreendimento do nosso amigo Anderson Carvalho, o criador do Beer_Home BR, delivery de cervejas artesanais que agora tem um belo bar próximo à Ponte dos Remédios, divisa São Paulo/Osasco. 

Tivemos a oportunidade de conversar com o Leandro Pellizzaro, um dos sócios-proprietários da Sahara Craft Beer no Memorial da América Latina durante o Festival da Cerveja Artesanal, ele estava no stand da cervejaria divulgando a marca juntamente com o pessoal muito gente boa da Sahara, a Letícia e o Rodrigo, e no seu stand ele comentou com a gente que a Sahara nasceu em Setembro do ano passado, e como a galera que acessa sempre esse blog sabe, gostamos de falar além da cerveja, e sim a história da cervejaria e significados de seus nomes e símbolos, dessa forma, não deixaríamos a oportunidade de perguntar para o Leandro sobre o porque Sahara!! E ninguem melhor que o sócio proprietário para explicar isso. Fala aí Leandro Pellizzaro: “O nome Sahara é para ter um contra ponto de outros nomes de cervejas, como por exemplo Crystal, Polar, que são nomes que trazem a lembrança de algo gelado, então, usamos o nome Sahara trazer uma sensação de calor que será refrescado no momento que a pessoa beber nossa cerveja“. Outra coisa interessante é a opção de fazer de carro chefe da sua cervejaria o estilo Vienna Lager, que é um estilo pouco explorado por aqui, sendo o diferente num mar de IPAs, APAs e Stouts. E pesquisando mais sobre a Sahara Craft Beer, vimos uma reportagem muito boa no Vamos Bebeer  do nosso amigo Renan Geishofer, e lá temos a informação de que a Sahara Craft Beer é uma cervejaria cigana cuja produção está sendo feita em Presidente Prudente na Land Bier e todo o estoque fica em São Paulo com distribuição própria.  

Cerveja vendida em garrafas de 355 ml, com 5% de graduação alcoólica e 25 IBUs de amargor, a Sahara Sunset Lager é uma cerveja de coloração âmbar muito bonita com espuma branca de boa formação e baixa duração, rapidamente a espuma se dissipou no copo. Seu malte Vienna além de deixar uma bela coloração, também e em quase sua totalidade a responsável por seu aroma, predominantemente maltado, e com um leve floral de seu lúpulo alemão que é utilizado em sua receita. Seu sabor é levemente amargo, com um bom corpo, e mesmo assim, uma cerveja bastante refrescante. 

Opinião do BMdC sobre a Sahara Sunset Lager: Uma cerveja muito agradável de se beber, que acreditamos que agrada tanto quem já é um conhecedor de vários estilos de cerveja quanto aquelas pessoas que ainda estão acostumadas com as cervejas mainstream do mercado, e quer saborear uma cerveja diferente. Bela cerveja!! 

Nós bebemos a Sahara Sunset Lager no Beer Home Bar que fica na Avenida dos Remédios, 1202, mas também ela é encontrada aqui em São Paulo no EAP (Empório Alto dos Pinheiros) e também nos festivais cervejeiros que rolam por aí, e pra quem não é de São Paulo e quer saborear a Sahara Sunset Lager, você poderá encontrá-la na Clubeer.

Saúde galera cervejeira, e bora beber!! 

Cevada Pura Fest 2017 vai sacudir Piracicaba no dia 16 de Setembro

Olá galera cervejeira!! Tudo bem com vocês?? 

Preparem-se!! Pois uma das festas cervejeiras mais legais do país está chegando novamente. Anota aí na sua agenda cervejeira meus amigos amantes de boas cervejas: Dia 16 de Setembro vai rolar o Cevada Pura Fest 2017 da Cervejaria Cevada Pura da linda cidade de Piracicaba – SP!! 

Serão 8 horas de muita festa com Open Bar com as cervejas da Cevada Pura, Open Food de comidas alemãs, e muita música boa, dá só uma olhada quem vai estar no palco animando a galera cervejeira: 

As atrações que estarão no Cevada Pura Fest 2017

– Banda Via Pública Banda de Piracicaba-SP
– Egypcio do Tihuana tocando com a Banda Os Spoilers composta com Bacalhau (Ultraje a Rigor) e do Marcelo Gross guitarrista da banda Cachorro Grande João Paulo Zanei e Rafael Godoi.
– Thiago Deejay da Rádio 89 A Radio Rock fazendo um som animal! 

Isso tudo vai rolar dentro da Fábrica da Cevada Pura em Piracicaba, um lugar bastante agradável, espaçoso que com certeza quem curte uma festa legal, com bastante cerveja e comida boa, e música de qualidade vai se apaixonar e querer ir todos os anos, e isso podemos falar com toda a certeza, pois tivemos a honra de participar da festa de 2016, e estaremos dia 16 de setembro também, procure pela gente, beba uma com a gente, será um prazer beber com a galera cervejeira. 

Para comprar os convites para essa super festa, acesse: www.sympla.com.br/cevadapurafest2017 

A gente se vê me Piracicaba galera cervejeira!! 

Saúde! 

Qual evento? Cevada Pura Fest 2017 

Quando? 16 de Setembro (sábado) 

Onde? Fábrica Cevada Pura Piracicaba – Fábrica Av. Maria Eliza, 32 – Vila Rezende – Piracicaba – SP 

Quanto Custa? www.sympla.com.br/cevadapurafest2017

Cerveja Antídoto Manipulada – Rye APA

Olá galera cervejeira, tudo bem com vocês?? 

Bora falar de mais uma jovem cervejaria?? Isso mesmo galera cervejeira, nada melhor do que ver o nascimento de ótimas cervejarias nesse Brasil, e a Cervejaria da vez é a Antídoto de Santa Catarina, e falaremos sobre a Antídoto Manipulada, uma bela Rye American Pale Ale que tivemos a honra de receber aqui no blog graças aos amigos da Santa Brewers (www.santabrewers.com.br), loja on line de cervejas especiais com mais de 100 rótulos ao seu dispor. 

Segundo vimos no site da Cervejaria Antídoto (www.cervejariaantidoto.com.br): “A Antídoto Cervejaria iniciou suas atividades em janeiro de 2017,reservando seu lançamento oficial para o Festival da Cerveja 2017. A proposta da Antídoto é trazer cervejas que despertem os sentidos através de aromas e sabores, cervejas que sejam fáceis de beber, para trazer, cada vez mais, as pessoas para esse mundo das cervejas artesanais. 

A cerveja Antídoto Manipulada Rye APA é vendida em garrafas de 500 ml, com 5% de graduação alcoólica, com 37 IBUs de amargor. Cerveja de coloração âmbar turva com espuma branca de boa formação e duração. Rye em inglês significa centeio, portanto, estamos diante de uma American Pale Ale com adição de malte de centeio em sua receita. Seu aroma é uma pancada de lúpulo nas narinas, com muito cítrico nesse aroma, fazendo com que seu perfume seja muito agradável. O sabor acompanha bem esse aroma. Lembra do centeio que comentamos anteriormente?? Pois ele dá o ar da graça no sabor deixando ele levemente condimentado, picante. 

Opinião do BMdC sobre a Antídoto Manipulada Rye APA: Cerveja bastante refrescante, com um aroma muito agradável. Ótima cerveja para se beber em dias mais quentes. 

A Antídoto Manipulada Rye APA combina muito bem com comida mexicana, hambúrgueres, carnes assadas em geral, inclusive frango e até alguns frutos do mar como lula frita. 

Você amante de boas cervejas que está lendo essa postagem poderá encontrar a Antídoto Manipulada Rye APA acessando www.santabrewers.com.br, além dessa cerveja, você poderá encontrar uma infinidade de boas cervejas, de vários estilos com preço bom e entrega rápida. 

Saúde galera cervejeira, e bora beber!!

Instituto Colmeia, Fifties Beer e Clube de Corrida das Cervejas Artesanais promovem treino de corrida beneficiente

Olá galera cervejeira e galera corredora, tudo bem com vocês?? 

Hoje a nossa já tradicional saudação inclui a galera corredora por um motivo muito nobre, pois no sábado, dia 26/08 será realizado um treino de corrida de 5 e 10 km organizado pelo Clube de Corrida das Cervejas Artesanais em prol do Instituto Colmeia, que ajuda e auxilia menores carentes.  

E o mais legal disso tudo que “Os Reis dos Festivais” nossos queridos amigos da Fifties Beer patrocinam esse treino com direito de seu Stand estar na linha de chegada!! No final do treino, os participantes terão o prazer de ter uma degustação de suas cervejas, onde a arrecadação também será voltada para essas instituições que fazer um lindo trabalho com crianças carentes. 

Dá só uma olhada o que terá na linha de chegada esperando a galera corredora e cervejeira!!

“Nossa BMdC, que coisa linda essa iniciativa do Instituto Coméia e da Fifties Beer!! E como faço pra participar??” 

Pra participar dessa bela iniciativa do Instituto Colmeia juntamente com a Fifties Beer, é só comparecer no Instituto Colmeia que fica na Rua Marina Cintra – 97, no Jardim Europa – SP, com 2 kg de alimento não perecível, e participar do treino!! 

Fica aqui o convite para a galera cervejeira, galera que curte uma corrida, e principalmente, seja cervejeiro ou corredor, a galera que sente prazer em fazer o bem ao próximo. 

Saúde meu povo!! 

EVENTO: Treino de Corrida 5 e 10 km, com Degustação de Cervejas da Fifties Beer  

QUANDO? Sábado, 26/08 

ONDE? Instituto Colmeia – Rua Marina Cintra, 97 – Jardim Europa (Próximo às Avenidas 9 de Julho e Europa) – São Paulo SP. 

QUANTO CUSTA? Inscrição: 2 kg de alimento não perecível, e o valor arrecadado das cervejas Fifties Beer voltado para o Instituto Colmeia.

Cerveja Avós Vó Maria In Concert – India Pale Lager

Olá galera cervejeira, tudo bem com vocês? 

A postagem de hoje tem muita coisa especial envolvida, pois iremos falar de uma cervejaria que traz para o público cervejeiro duas coisas que todo mundo gosta: ótimas cervejas, e boas lembranças de uma das pessoas mais doces que conhecemos em nossas vidas: nossas queridas avós!! Seja a avózinha da galera cervejeira viva ou que tenha já partido desse mundo, ao beber a cerveja que falaremos hoje traz em nossa mente doces lembranças dessas pessoinhas maravilhosas. Então bora falar da Cervejaria Avós e a sua linda Vó Maria In Concert uma (outra coisa especial) India Pale Lager. 

Cervejaria que foi lançada no mercado em Março de 2016, segundo o site da cervejaria (www.cervejaavos.com) tem como inspiração “aquele almoço de domingo na casa dos avós, cheirinho do café saindo e do bolo assando no forno. São momentos como esses, leves, simples e cheios de amor envolvido, que têm um valor enorme e que não queremos que acabe nunca. Inspirados nessas lembranças, resolvemos criar algo que fosse uma homenagem àquelas que nos proporcionam essas doces experiências: as avós. 

A receita de nossas cervejas não poderia ser diferente de tudo que é feito por elas. Escolhemos os melhores ingredientes, adicionamos uma dose extra de carinho e o fermento que fez a nossa massa crescer foi o trabalho e a dedicação sem medida. O resultado não poderia ser mais delicioso. Eis que assim surge a Cervejaria Avós!” 

No início falamos sobre coisas especiais que iremos abordar na postagem, e citamos o estilo da Vó Maria In Concert, e quem visita nosso blog sempre leu sobre o estilo IPA (India Pale Ale) só que no caso dessa cerveja, estamos diante de uma IPL (India Pale Lager). E o que é isso BMdC?? Alguns poderão dizer que é uma receita baseada numa IPA, porém com levedura de Lager, então sendo assim, ao invés de ser uma cerveja de alta fermentação, será uma cerveja de baixa fermentação, outros poderão dizer que é uma cerveja do estilo Lager com uma carga muito maior de lúpulos. Nós do BMdC entendemos que a primeira opção é a mais coerente, mas o importante é que esse estilo caiu muito bem no nosso gosto. 

Cerveja vendidas em obras de arte em formato de latas de 473 ml, com 6,1 % de graduação alcoólica e 50 IBUs de amargor, a Vó Maria In Concert é uma cerveja de coloração dourada, levemente turva, com uma espuma que olha, ficou linda coroando a cerveja por cima do copo, espuma branca de ótima formação e duração, deixando uma crosta de espuma até o fim do copo. Uma coisa que gostamos muito nessa cerveja é a seleção de lúpulos que estão nessa receita: Equinox, Crystal e Citra (meu Deus, como gostamos desse lúpulo!!) que resulta num aroma cítrico muito intenso (confessamos que não conseguimos identificar qual fruta era, mas era bem cítrico), muito gostoso mesmo. Seu sabor traz também um paladar bastante cítrico, parece que há um suco de fruta cítrica no meio da cerveja, e um levíssimo harsh no final (o que é harsh? É aquela sensação de acidez no final do gole, bastante presente nas cervejas do estilo NE IPA). Seu amargor é bem moderado, equilibrado, apesar dessa cerveja ter bons 50 IBUs de amargor. 

Opinião do BMdC sobre a Vó Maria In Concert: Espetacular cerveja, maravilhosa experiencia de poder sentir o aroma bastante perfumado dessa cerveja, e mais uma cerveja a ingressar naquele time de cerveja que bebemos bem devagar pra não acabar logo. Tudo isso junto as doces lembranças de nossas queridas vozinhas fazem da experiencia de beber essa cerveja ainda mais especial. 

Cerveja vendida em vários bares de São Paulo e interior, e também na sua própria casa, a Cervejaria Avós tem a Casa Avós Cerveja Artesanal, onde você poderá beber a Vó Maria e outros rótulos da Cervejaria Avós. A Casa Avós Cerveja Artesanal fica na Rua Croata, 679 – na Lapa – SP. Se caso você se interessou em experimentar essa cerveja e não sabe onde tem pra vender, entre em www.cervejaavos.com que lá você encontrará a relação de lugares onde vendem essa belezura de cerveja. E se você já bebeu a Vó Maria In Concert, fala pra nós o que achou dela. Pode ser tanto aqui no final da postagem quanto no nosso e-mail bebacomagente@blogmundodacerveja.com.br. 

Saúde galera cervejeira, e bora beber!! 

Cerveja Blumenau Macuca Imperial Stout

Olá galera cervejeira!! Tudo bem com vocês?? 

Hoje é dia de falar de uma cervejaria que toda vez que aparece aqui no BMdC nos encanta cada vez mais, com uma cerveja mais saborosa e prazerosa de beber que a outra. Estamos falando da Cervejaria Blumenau, que vem da Capital Nacional da Cerveja, a linda Blumenau – SC. Se nas primeiras vezes que a Cervejaria Blumenau passou por aqui foi com suas duas versões de uma cerveja que tem uma das mascotes cervejeiras mais simpáticas que existe: a Capivara Double IPA e a Capivara Little IPA, agora é hora de falar de outro estilo de cerveja e também, por que não, de outra característica histórica da cidade de Blumenau. Então, galera cervejeira bora falar da Blumenau Macuca, uma Imperial Stout que tivemos a honra de poder beber graças aos queridos amigos da Santa Brewers (www.santabrewers.com.br) loja on-line especializada em cervejas do Sul do país, com mais de 100 rótulos (inclusive essa bela cerveja) para a galera cervejeira escolher à vontade!!  

Como já falamos anteriormente nas duas postagens da Capivara Double IPA e Capivara Little IPA, a Cervejaria Blumenau é uma cervejaria bastante jovem, fundada em 2015, ela desde “recém-nascida” já anda surpreendendo e faturando prêmios nacionais e internacionais com suas belas criações. Se na época da postagem da Capivara Double IPA, a Cervejaria Blumenau era uma cervejaria cigana, hoje a ela tem uma cervejaria para chamar de sua, e nós do BMdC ficamos muito felizes com isso, pois é isso que esperamos, que ótimas cervejarias artesanais nacionais cresçam e tenham muito sucesso.  

Lembra no começo dessa postagem que comentamos que hoje iremos falar de outra característica histórica da cidade de Blumenau?? Pois é galera cervejeira, se nas primeiras postagens falamos da capivara, animal muito simpático símbolo da cidade, que você poderá ver famílias desses belos roedores até no centro da cidade, o nome Macuca também tem tudo a ver com a história de Blumenau, pois Macuca é o nome da primeira locomotiva que veio para a cidade, importada em 1908. E esse apelido carinhoso se deu pela semelhança com a ave Macuco, pois o seu apito lembrava o pio dessa ave, e o ruído da caldeira lembrava o som produzido pelo bater de suas asas. Sensacional a iniciativa da Cervejaria Blumenau em poder usar seus rótulos para contar um pouco da história de uma cidade extremamente importante para os amantes de uma boa cerveja. 

O estilo Imperial Stout já foi falado aqui no BMdC com a mítica Founders KBS, e esse estilo tem como base uma bela Stout com mais sabor, mais aroma, e principalmente mais amargor e uma porrada na graduação alcoólica!! 

A Blumenau Macuca é uma cerveja vendida em garrafas de 500 com ótimos 10 % de graduação alcoólica e bons 80 IBUs de amargor. Ela tem uma coloração preta, opaca, bem fechada, com aspecto bem encorpado e sua espuma cremosa e bonita é de coloração marrom com boa formação e média duração, mesmo assim deixando marcas de sua espuma ao redor da taça que usamos para beber. No aroma da Blumenau Macuca, sentimos a presença de chocolate amargo em maior quantidade, mas também percebe-se o aroma de café torrado e malte torrado. Seu sabor, apesar dessa cerveja ter 80 IBUs de amargor (um número bem alto) não trouxe muito amargor e sim um sabor que lembra do malte torrado e principalmente do chocolate, com seu paladar bastante licoroso, teve momentos de estar bebendo um licor de chocolate graças a esse sabor bastante inserido. O álcool, mesmo em boa quantidade (10 %) não se fez presente, deixando essa cerveja bastante equilibrada. 

Opinião do BMdC sobre a Blumenau Macuca Imperial Stout: Quer ter uma noite fria, porém inesquecível, junte os seguintes itens: um lugar agradável, bons amigos, boa comida, bom papo, muita animação e a Blumenau Macuca acompanhando. Uma senhora cerveja com uma porrada de aroma e sabor, muito, mas muito agradável de se beber. Espetáculo de cerveja, coisa que está virando rotina com a Cervejaria Blumenau. 

Tanto em seu rótulo quanto em seu site (www.cervejablumenau.com.br) consta que a Blumenau Macuca combina muito bem com ostras cruas ou gratinadas, e sobremesas a base de chocolate, como por exemplo, um delicioso Petit Gateau. 

Cerveja que tivemos a honra de encontrar na Santa Brewers (www.santabrewers.com.br). Mesmo sendo uma loja que começou suas atividades nesse ano, já tem uma grande carta de cervejas, sendo 20 cervejarias e mais de 100 rótulos a sua escolha, e esse número tende a crescer em breve. Podemos recomendar sem erro essa loja por seu preço e sua rapidez na entrega. E se você que está lendo essa postagem já bebeu a Blumenau Macuca ou já é cliente da Santa Brewers, fala pra gente o que achou dessa cerveja e dessa loja on-line, pode ser aqui no final da postagem ou em nosso e-mail bebacomagente@blogmundodacerveja.com.br.   

Saúde galera cervejeira, e bora beber!!

9º Festival de Cerveja Artesanal invade o Memorial da América Latina

Olá galera cervejeira, tudo bem com vocês?

Galera cervejeira, a felicidade está chegando… e não vem sozinha. Desta vez, o Festival de Cerveja Artesanal será realizado simultaneamente ao 2º Festival Nacional do Bacon. E neste casamento perfeito tem 28 cervejarias confirmadas  – Balmann, Bamberg, Berggren, Bersi Beer, Birra’z, Burgman, Crazy Rocker, Dama Bier, Daoravida, Doktor Bräu, Dortmund, Fifties Beer, Freaktion, Freising Beer, Gorillaz, Hausen Beer, Hebling, Insana, Leuven, Mea Culpa, Molise Hop Beer, Queens, Quinta do Malte, Sahara, Sapucaí, Schornstein, Soft Bier e Vila Alemã – que comercializarão as bebidas a partir de R$8,00 em copos descartáveis (300, 400 ou 500ml) para tomar  no evento, além de garrafas de diversos tamanhos, latas e kits para você continuar a apreciar uma boa cerveja artesanal em casa ou presentear os amigos. E diversas marcas têm canecas/copos/taças de vários materiais,  growler, abridores, chaveiros bonés e camisetas.

Mais de 50 tipos de cerveja poderão ser apreciadas no Festival: Alt, American Amber Ale, American IPA, American Lager, American Sout, APA com hortelã, Belgian IPA, Belgian Strong Golden Ale, Belgian Tripel, Black, Blonde Ale, Bock,  Boemia Pilsener, Brown IPA, Brown Porter, Brown Porter Vanilla, California Common, Coffe IPA, Dark Lager, Dunkel, German Pilsen, Gold Lager, Golden Ale, Helles, H5,  HopWeiss, Imperial IPA, Imperial Stout, Indian Black Ale, IPA, Lager, Lager Pilsen, Mosch Pit Ale, Munich Helles, Pale Ale, Pilsen, Pinhão Barley Wine, Porter, Rauch (defumada), Red Ale, Red IPA com hibisco, Red Rye IPA, Session IPA, Session IPA Citra, Sour Ale, Strong Ale, Strong IPA, Summer Ale com aveia, Stout, Stout Full Nitro, Vienna Lager, Vinho, Weiss, Weizen,  Wheatbier com capim limão, Witbier, Witbier com hibisco e raspas de limão siciliano. Bateu aquela dúvida sobre quais escolher? É só bater um papo com os expositores que eles te darão todas as informações para que você tire o máximo proveito da sua experiência bacon+cerva.

Se você curte cervejas premiadas, no Festival você encontrará várias. Entre as opções, tem a Dunkel, da Hausen Bier, ouro em Blumenau, no Chile, em Londres, no World Beer Awards e na Bélgica (2016);  a Extra Pilsen, da Berggren, prata no U.S. Open Beer Championship em Atlanta (2014); a Rauch, da Bamberg, prata no Australian Beer Awards (2017) e no  International Beer Challenge (Bélgica, 2017); a Red Ale, da Leuven, prata na categoria Irish Red na Copa de Cervezas de América GCA, no Chile (2015). Tem ainda a Imperial IPA, da Schornstein, ouro no Festival de Cerveja de Blumenau (2017); a Dama American Lager, da Dama Bier, prata no The International Beer Challenge (Inglaterra, 2014); a Commonzinha, da Daoravida,  prata no estilo California Common, no Festival Brasileiro da Cerveja em Blumenau (2017);  Pinhão, da Insana, bronze no Festival Brasileiro de Cerveja de Blumenau (2016 e 2017).  E para quem curte novidades, a Hausen Bier vai lançar a H5, Imperial Schwarzbier, puro malte forte; a Bamberg, a sazonal Mosh Pit Ale, cerveja forte escura; e a Quinta do Malte, a Don Capo, uma Brown Porter com adição de baunilha.

E para acompanhar uma boa cerveja artesanal, o que não vai faltar é boa comida!! No evento, você encontrará diversos pratos com bacon – hambúrguer,es lanches, pastéis, joelho de porco, crepes, batatas, tempurá, yakisoba, salsichões, tapiocas, acarajé etc., além de várias sobremesas como coxinha de brigadeiro, estrogonofe com chocolate e creme de avelã, pizza brownie e morango com chantilly, entre outros, para balancear a glicose.

O 2o Festival Nacional do Bacon e o 9º Festival de Cervejas Artesanais são realizações da Art Shine Promoções e Eventos com apoio cultural da Fundação Memorial da América Latina, Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.

 

Serviço
9o Festival de Cerveja Artesanal  – Entrada gratuita
https://www.facebook.com/events/2163427790335852/
Data: 19 e 20 de agosto
Horário: das 10h às 21h
Local: Memorial da América Latina – Praça da Sombra
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 (ao lado da estação Barra Funda de trem/metrô)
Estacionamento: Portões 4 e 15 (pago)
Bicicletário: ao lado do portão 9

Cerveja Babylon German Lager

Olá galera cervejeira!! Tudo bem com vocês?? 

Bora falar de uma cerveja e de uma cervejaria que vem de um lugar lindíssimo e que foi um presente de uma das pessoas mais legais que conhecemos no meio cervejeiro. A cervejaria é a Babylon da linda Recife, capital dos pernambucanos; a cerveja é a Babylon German Lager; e a pessoa maravilhosa que falamos no início é a querida Manuela Siqueira, acredito que se falarmos apenas o nome dela, muita gente não irá conhecer, mas se falarmos o nome de seu Instagram, muita gente vai saber muito bem de quem estamos falando: da querida @acacadoradecerveja. 

Conforme vimos no site da Cervejaria Babylon  “A Babylon é uma cervejaria que nasceu para resgatar a tradição das grandes escolas cervejeiras do mundo. Visamos criar cervejas de estilos clássicos, mundialmente famosos, unindo um mestre cervejeiro com experiência em grandes cervejarias com a inovação e criatividade de cervejeiros de panela.” 

Cerveja vendida em lindas latas de 473 ml (primeira cerveja em lata de Pernambuco) com 5,0 % de graduação alcoólica (IBUs não informados), a Babylon German Lager é uma cerveja de coloração dourada, brilhante e límpida, sua espuma de coloração branca tem boa formação e média duração, no final do copo já não há mais espuma. O aroma da Babylon German Lager é bastante maltado, com uma sutil presença floral do lúpulo utilizado. Cerveja de sabor levemente amargo e bastante refrescante. 

Opinião do BMdC sobre a Babylon German Lager: Uma cerveja puro malte bastante gostosa, ótima para acompanhar um bate papo entre amigos num dia quente, seja em Recife ou em qualquer lugar que essa lata esteja presente. 

Cerveja que é encontrada em lojas de cervejas especiais no Recife. Mas se algum amante de boas cervejas se interessou em experimentar essa bela cerveja, mas mora em outros locais, não se desespere!! Não precisa ir pra Recife pra beber a Babylon German Lager, pois os amigos do Mercado da Breja entregam essa cerveja em qualquer lugar do Brasil. E se você que está lendo essa postagem já experimentou a Babylon German Lager?? O que achou dela, gostou ou não gostou?? Fala pra gente tanto aqui no final da postagem ou mande pra gente um e-mail para bebacomagente@blogmundodacerveja.com.br. 

Saúde galera cervejeira, e bora beber!!

Cerveja Barco Sour San Diego

Olá galera cervejeira, tudo bem com vocês?? 

Bora falar de uma cervejaria que fazia um bom tempo que não aparecia aqui no BMdC, mas quando aparece, aparece com tudo, com ótimas cervejas. Estamos falando da Cervejaria Barco, que deu o ar de sua graça com uma das cervejas mais saborosas e refrescantes que tivemos o prazer de beber: a cerveja Barco Thai Weiss, deliciosa Weiss com inclusão de gengibre em sua receita. E a cerveja que falaremos hoje não fica atrás, hoje é dia da Barco Sour San Diego, cerveja que tivemos a honra de receber graças aos amigos da Santa Brewers, loja on-line especializada em cervejas do Sul do país, com mais de 100 rótulos (inclusive essa bela cerveja) para a galera cervejeira escolher à vontade!!  

Como comentamos na postagem da Barco Thai Weiss, a Cervejaria Barco foi fundada no início de 2013 em Porto Alegre – RS no formato de cervejaria cigana, o pessoal da Cervejaria Barco primeiramente faz suas receitas da forma mais artesanal possível, na panela, e depois suas brassagens são feitas na Cervejaria Santa Catarina em Forquilhinha – SC. O motivo desse nome diferente na cultura cervejeira é por causa da expressão “segue o Barco”, ou, siga em frente. E é uma cervejaria que não limita a criatividade de seu mestre cervejeiro. 

A Barco Sour San Diego é a versão azeda (sour = azedo em inglês) de outra cerveja da Barco, a San Diego, uma American Pale Ale, que passa por um processo de acidificação e recebe lactobacilos e generosas doses de lúpulo Citra (ebaaaaa, o lúpulo preferido do BMdC), tanto na fervura quanto no dry hopping. 

Vendida em latas lindíssimas de 473 ml, com 5,4 % de graduação alcoólica e 54 IBUs de amargor, a Barco Sour San Diego é uma cerveja de coloração dourada brilhante com uma bela espuma branca de boa formação e média duração, no final do copo essa espuma já não existe mais. O aroma dessa cerveja é bastante cítrico graças ao lúpulo Citra, um perfume que lembra laranja, limão muito agradável, e seu paladar é bem acido como uma boa Sour tem que ser. Sabor que acompanha o aroma, e mesmo com 54 IBUs de amargor, seu amargor é bem discreto. Cerveja de ótima drinkability. 

Opinião do BMdC sobre a Barco Sour San Diego: Uma cerveja bastante saborosa e refrescante, mais uma bela cerveja da Barco com essas qualidades. Pra quem gosta de cervejas de paladar mais ácida, é uma belissima pedida. 

Cerveja que tivemos a honra de encontrar na Santa Brewers (www.santabrewers.com.br). Mesmo sendo uma loja que começou suas atividades nesse ano, já tem uma grande carta de cervejas, sendo 20 cervejarias e mais de 100 rótulos a sua escolha, e esse número tende a crescer em breve. Podemos recomendar sem erro essa loja por seu preço e sua rapidez na entrega. E se você que está lendo essa postagem já bebeu a Coruja Labareda ou já é cliente da Santa Brewers, fala pra gente o que achou dessa cerveja e dessa loja on-line, pode ser aqui no final da postagem ou em nosso e-mail bebacomagente@blogmundodacerveja.com.br.  

Saúde galera cervejeira, e bora beber!! 

Slow Brew desembarca em São Paulo no dia 18-11 #soublogmundodacerveja

Olá galera cervejeira, tudo bem com vocês? 

Um dos maiores e melhores festivais cervejeiros do país irá desembarcar aqui em São Paulo no dia 18 de Novembro!! Sim galera cervejeira!! Estamos falando do Slow Brew Brasil que irá dar o ar da sua graça no Centro de Eventos Pró Magno, na Casa Verde – São Paulo. 

E a galera que ama cerveja de qualidade com certeza conhece o Festival Slow Brew Brasil, sabe que não estamos mentindo em falar que sem dúvidas, o Slow Brew é um dos maiores e melhores festivais cervejeiros do Brasil, mas sabemos que muita gente que gosta do nosso Blog ainda não conhece o evento, então bora apresentar pra essa galera cervejeira o que é o Slow Brew Brasil: pra isso, nada melhor que usar a apresentação de seu site oficial: “O termo Slow Brew fundamenta-se no conceito Slow Movement, Slow Life, Slow Food que se difundiu na Europa desde a década de 80. São movimentos para se viver calmamente, valorizando a experiência e todos os momentos da vida. Um apelo para uma vida mais saudável e sem pressa. Slow na língua inglesa significa “devagar” e Brew “fazer cerveja”, traduzindo: fazer cerveja devagar.

Este conceito levado ao cenário cervejeiro indica a valorização do ato de fazer cerveja por aqueles que respeitam o tempo de produção e que utilizam produtos de qualidade; em outras palavras: o termo Slow Brew significa “cerveja de qualidade“.

O verdadeiro apreciador de cervejas artesanais não tem pressa para degustar. Ele é observador, está em busca de uma nova experiência de aromas e sabores. O verdadeiro apreciador de cervejas artesanais não está preocupado com quantidade; ele se dedica a experiência degustativa de cada cerveja, na sua história, no seu conceito. O Slower é um indivíduo consciente que utiliza a cerveja como forma de aprendizado e experiência de vida. Slower é o nome dado aos indivíduos que compartilham este conceito.

Um fator diferencial-chave deste festival é o de ter seu público limitado; desta forma, os Slowers desfrutam de um espaço agradável e sem tumulto. Esse diferencial oferece bem-estar e um local descontraído”.

E como surgiu o Slow Brew Brasil?? 

“O Slow Brew Brasil é um produto idealizado e realizável da Empresarial Marketing Negócios. Uma empresa de consultoria empresarial que atua no mercado desde 1993.

O Ceo-Founder, Maurício Leandro, apreciador de cervejas artesanais juntamente com Kátia Pereira, hoje Curadora do Slow Brew Brasil, almejavam um festival com características diferenciadas dos modelos tradicionais; ou seja, propiciar as pessoas a oportunidade de experimentar os rótulos desejados com tranquilidade e sem se restringirem entre escolher um ou outro rótulo. Com muita seriedade e planejamento, em 2014, o Slow Brew Brasil realiza sua primeira edição, na cidade de Ribeirão Preto/SP. A cada ano o festival aumenta o seu público de forma qualificada e que se interagem com o conceito Slow Brew de experimentar cervejas de qualidade.

Para oferecer um conforto ainda maior aos Slowers (participantes deste festival), seja em um centro de eventos climatizado, uma área bem ampla, facilidade de acesso regional por aeroporto, maior opção de hotelaria e entre outros custos benefícios, seus organizadores transferiram o festival Slow Brew Brasil para a cidade de São Paulo; assim, todos os Slowers ganharam facilidade para estarem presentes no festival. O Slow Brew Brasil acontece sempre na segunda semana do mês de novembro.” 

Muito legal o conceito do Slow Brew Brasil, mas pra deixar quem tá lendo essa postagem com uma vontade louca de ser um Slower, bora conferir as cervejarias já confirmadas que estarão presentes no festival: 

-Dogma -SP  

-Tupiniquim – RS;

-Bodebrown – PR;

-Omnipollo – Suécia

-Founders Brewing Co – USA;

-De Molen – Holanda;

-Brew Dog – Escócia;

– 3 Cariocas – RJ;

– Zapata – Cervejaria Rural – RS

– Morada Cia Etílica – PR

-Urbana -SP

-Avós – SP

-Invicta – SP

-Júpiter -SP

-Landel – SP

-Zalaz -MG

-Everbrew – SP

-SP-330 -SP

-Juan Caloto – SP

-Daoravida -SP

-Quatro Graus – RJ;

-Rockbird Craft Brewery – RJ;

-Dádiva – SP;

-Cervejaria Opera – SP

-Cervejaria Blondine – SP

-Carranca Cervejaria-SP

-Cervejaria Pratinha – SP;

-Cervejaria Overhop – RJ;

-Cervejaria Suméria- SP;

-Cervejaria Tábuas -SP;

-Cervejaria Trilha -SP;

-Cervejaria Satélite;

-Cervejaria Furst;

-Cervejaria Backer;

-Cervejaria Vintage Craft Beer;

-Cervejaria Avenida42;

-Cervejaria Microx;

-Cervejaria Mea Culpa;

-Krok Jaw;

-TarantinoBeer;

-Cervejaria Nude; 

-Cervejaria Borogodó

Ou seja, olhando essa seleção de cervejarias, esse festival promete e muito!! 

E se a galera cervejeira tiver afim de se tornar um Slower, o BMdC pode te trazer descontos!! Como?? Só acessar www.slowbrewbrasil.com.br, ir em “Ingressos”, e utilizar o código de desconto #soublogmundodacerveja. Mas corra, pois mesmo o evento sendo apenas em novembro, de 05 lotes, já está sendo vendido o penúltimo lote!! Não perca essa oportunidade de beber, degustar, saborear as maravilhosas brejas vindas dessas cervejarias. 

A gente se vê no Slow Brew Brasil 2017!! Saúde galera cervejeira!! 

EVENTO: Slow Brew Brasil 2017 

QUANDO? Dia 18/11 

ONDE? Centro de Eventos Pró Magno – Rua Samaritá nº 230 – Casa Verde, SP 

QUANTO CUSTA? www.slowbrewbrasil.com.br